Seria a evolução alimentar?

Posted Posted by Daniela Sousa in Comments 4 comentários



Desde os tempos primitivos o homem tem seu instinto de sobrevivência e soube o quê, como e em quais quantidades comer e por isso foi possível evoluir, porém com a evolução vieram deturpações que mudaram o perfil de saúde da população mundial.
A revolução alimentar permitiu que nós, seres humanos evoluíssemos com a inserção de novos produtos, no que se pode nomear "mercado prático do consumidor". Nos primórdios o homem acompanhava o perfil dos alimentos. Eram nômades que caçavam sua própria comida de acordo com o que tinha. Atualmente é o alimento que acompanha o perfil singular do homem e esse perfil se resume em praticidade e assim os nômades involuiram ao sedentarismo.
Com certeza já sentimos os impactos dessa evolução obtusa e há quem tente culpar a genética pelas consequências adquiridas. Sem dúvida, as principais causas da obesidade são os fatores genéticos e hábitos alimentares, contudo a genética continua a mesma desde a existência da raça humana e embora esta não mude  os casos da obesidade, crescem em progressão geométrica com o passar dos tempos. Em contrapartida os hábitos alimentares são reinventados constantemente de forma nem sempre saudável.
A obesidade num estado mórbido gera cada vez mais a doença e cresce também os problemas físicos ou psicologicos como os obstáculos de locomoção enfrentados pelo indivíduo obeso  ou em casos da dissocialização devido a discriminação. Essas pessoas, uma vez que não tem vida social, que sofrem com a imobilidade física suprem suas necessidades sociais na comida e agravam seu estado de saúde na tentativa de melhorar sua auto-estima.
O "pecado da gula" não são absolvidos com alguns jejuns semanais. É preciso tempo, força de vontade e muitas vezes recursos financeiros para minimizar o problema. Estes recursos financeiros na maioria das vezes são oriundos de recursos públicos que poderiam ser usados com outras necessidades e por isso a sociedade precisa rever sua prática alimentar e também o perfil de atividades físicas para que se tenha uma maior expectativa em relação à saúde.

4 comentários:

Rosimeyre disse...

Oiii amiga, realmente a praticidade em tudo , tem feito muito estrago em nossa saude... mas sempre é tempo de rever tudo. Beijos milll

Karina Rigo disse...

Olá,

vim dar uma olhadinha no blog e aproveitar para divulgar a 1ª promoção do meu blog. O sorteio será em maio, e quem participar, concorre a um e-book com receitas de caldos e sopas e um pote de chá verde... de uma passadinha e participe...

abraço

www.souoqcomo.blogspot.com

Luciana Kotaka disse...

Oi Dani, vi que gostou do texto que escrevi para a Pais e Filhos e vim agradecer a visita. Interessante a história sobre a evolução da obesidade, tem todo um fundamento concreto. Bjks e bom domingo

Luciana Kotaka disse...

Oi Dani, passei para deixar uma beijoca e agradecer sua visita. Bjks

Postar um comentário

Obrigado pela colaboração!